A mulher de 30 anos não era nascida no 25 de Abril de 74; não ouviu radionovelas e não vibrou com o Festival da Canção. A mulher de 30 anos tropeçou em dois séculos e está aqui! Também opina, ainda não é anciã e agora é mãe

.posts recentes

. Bom dia

. Autoretrato #1

. Adeus fim de semana

. Adeus domingo #2

. Finalmente, toda uma cole...

.Instagram

Instagram

.mais sobre mim

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.

.Posts mais comentados

21 comentários
16 comentários
14 comentários

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30

.tags

. todas as tags

.favorito

. O que é a amizade depois ...

. Nasceu o meu filho

. Da epifania televisiva de...

. Hoje constatei que é dia ...

. Leva-me pró contenente!!!

. Discurso directo I e II (...

. Os dias em que todos nós ...

. voltei, voltei...

. L`air du temps

.links

.subscrever feeds

.arquivos

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.últ. comentários

Boa noite,Como a entendo.Uma coisa é fazer o "que ...
É tão giro encontrarmos desenhos antigos, retratam...
Compreendo perfeitamente! É tão difícil deixá-los ...
Segunda-feira, 12 de Novembro de 2007

Pode acontecer a qualquer um...

 

BUG, filme. Grande sensação (para o bem e para o mal) na festivaleira Cannes o ano passado.

 

A mim também me passou. Não sei porque não vi este filme.

 

Tradução tristemente portuguesa: "Possuídos" (?!) que devia ser o estado em que se encontrava a alma tradutora que se lembrou de aplicar o redutor adjectivo.

 

 

 

William Friedkin deve ter conseguido com este a sua melhor realização.

 

O argumento é de um senhor(a?) que não ´tou assim de repente a ver quem é, mas deve ser muito interessante concerteza- Tracy Letts.

 

E a hiper interessante criatura que é a Ashley Jude tem uma interpretação de pasmar. Até me esqueci dela no meio daquele delírio todo. espectacular. Não esquecer também o independente Michael Shannon numa espiral de transfiguração psico-física a 1000 à hora.

 

Uma evolução de ambientes genial que vai do filme negro e intimista ao delírio absoluto a roçar o escatológico.

 

Um filme excelente, muito para além da questão que lhe parece estar implícita. Não importa nada se é realidade ou imaginação. Não está condicionado a nada. Não há compromissos conceptuais. Tem a leitura que se lhe quiser dar. Um filme sobre relações humanas (ou a falta delas). Tão somente. Mais nada. Espectacular.

 

 

 

publicado por amulherdetrintaanos às 22:16
link do post | comentar | favorito
|

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.