A mulher de 30 anos não era nascida no 25 de Abril de 74; não ouviu radionovelas e não vibrou com o Festival da Canção. A mulher de 30 anos tropeçou em dois séculos e está aqui! Também opina, ainda não é anciã e agora é mãe

.posts recentes

. Bom dia

. Autoretrato #1

. Adeus fim de semana

. Adeus domingo #2

. Finalmente, toda uma cole...

.Instagram

Instagram

.mais sobre mim

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.

.Posts mais comentados

21 comentários
16 comentários
14 comentários

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30

.tags

. todas as tags

.favorito

. O que é a amizade depois ...

. Nasceu o meu filho

. Da epifania televisiva de...

. Hoje constatei que é dia ...

. Leva-me pró contenente!!!

. Discurso directo I e II (...

. Os dias em que todos nós ...

. voltei, voltei...

. L`air du temps

.links

.subscrever feeds

.arquivos

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.últ. comentários

Boa noite,Como a entendo.Uma coisa é fazer o "que ...
É tão giro encontrarmos desenhos antigos, retratam...
Compreendo perfeitamente! É tão difícil deixá-los ...
Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008

Como perverter ideias alheias

Ontem passei o dia, em grupo, a seleccionar fotografias.

 

Como se não bastasse, hoje continuei a tarefa e ainda andei a ver programações de exposições alheias.

 

Agora estou cansada, mas ainda consigo perverter todo um outro nível conceptual, que não o meu, e imaginar o seguinte:

 

Olhei para esta fotografia e o que é que me veio à cabeça? Olhar a luz, a lente usada, a exposição, focagem, ângulo, a ideia ou o enquadramento? Não. O que me assolou à cabeça, o primeiríssimo pensamento foi, "Vou ajardinar a minha casa de banho: dois vasos, uma jarra e vai ficar tão lindo!"

 

Com esta lembrei-me, penitente, que risquei ontem os meus óculos de sol de eleição...snif

 

Depois, ainda insisti...

Mas esta só me fez lembrar que devia ir arrumar a minha gaveta onde os meus colares jazem todos enrolados uns nos outros...

 

E com esta desisti que o cansaço torna-me básica, está visto, e estou sem paciência para mim... Fiquei com vontade de fumar.

 

 

Há fins de dia que só mesmo estirada no sofá a olhar o televisor...

sinto-me:
publicado por amulherdetrintaanos às 18:48
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De jts a 5 de Setembro de 2008 às 09:52
Olá Sofia, bom dia ...e melhor disposição para o fim de semana que está à porta.
Gosto da ideia do jardim na casa de banho... é muito giro e perfumado...!
Quanto às fotografias, há dias, fiz o mesmo e fui dar com recordações do "arco da velha"", fez-me voltar ao passado e lembrar os tempos e os lugares por onde passei...foi bom...!
Um abraço,
Teixeira da Silva
De amulherdetrintaanos a 7 de Setembro de 2008 às 18:21
Ainda bem que estes posts podem ser usados da maneira que cada um quiser. Fico contente! E quanto à disposição, ela está lá sempre, mesmo em dias cansativos ou piores, como na canção "há dias assim", mas também sem esses era uma felicidade constante que depressa se tornaria uma "seca"! he, he, he...
De Miss M a 5 de Setembro de 2008 às 10:30
Nem sempre as obras artísticas t~em de ser olhadas com olhos técnicos. Por vezes, a melhor maneira de as apreciar é ver o que elas nos fazem lembrar quando as olhamos. Isso não é ser básica é ser normal.
A arte serve para nos distrair e encantar. Não temos de estar sempre a dissecar tudo até á exaustão. Acho que os artistas reais não estão a pensar nisso tudo. Fazem-no e pronto!
De amulherdetrintaanos a 7 de Setembro de 2008 às 18:23
Creio que tens razão. Eu é que sou um bocado exigente demais com a minha pessoa... bjs
De Cláudia Oliveira a 6 de Setembro de 2008 às 19:26
E como ficou a casa de banho? gira?
De amulherdetrintaanos a 7 de Setembro de 2008 às 18:24
Bem!!! Se eu dizer que realmente lá coloquei uma jarra, com uns lírios difíceis de encontrar como tudo, e uma plantinha e ainda estão verdinhos e nada murchas, acreditavas? É verdade. Quando me dá... dá! bj
De Maldonado a 6 de Setembro de 2008 às 21:50
Está muito criativa a tua exposição de ideias... ;)
Excelentes fotos!
De amulherdetrintaanos a 7 de Setembro de 2008 às 18:25
Obrigada, obrigada Mas foi mesmo uma exposição movida pelo cansaço e bem sincera... bjs
De Clara a 15 de Setembro de 2008 às 13:53
Gostei muito dete post. Adorei as fotos, especialmente a da casa-de-banho!

Comentar post

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.