A mulher de 30 anos não era nascida no 25 de Abril de 74; não ouviu radionovelas e não vibrou com o Festival da Canção. A mulher de 30 anos tropeçou em dois séculos e está aqui! Também opina, ainda não é anciã e agora é mãe

.posts recentes

. Bom dia

. Autoretrato #1

. Adeus fim de semana

. Adeus domingo #2

. Finalmente, toda uma cole...

.Instagram

Instagram

.mais sobre mim

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.

.Posts mais comentados

21 comentários
16 comentários
14 comentários

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30

.tags

. todas as tags

.favorito

. O que é a amizade depois ...

. Nasceu o meu filho

. Da epifania televisiva de...

. Hoje constatei que é dia ...

. Leva-me pró contenente!!!

. Discurso directo I e II (...

. Os dias em que todos nós ...

. voltei, voltei...

. L`air du temps

.links

.subscrever feeds

.arquivos

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.últ. comentários

Boa noite,Como a entendo.Uma coisa é fazer o "que ...
É tão giro encontrarmos desenhos antigos, retratam...
Compreendo perfeitamente! É tão difícil deixá-los ...
Quinta-feira, 29 de Maio de 2008

Upss (Ui Que Soletrei Sem-acertar)!

Ups!!! Ai senhores, ai senhores (com entoação fadista) que eu escrevi "quotas" com "c" no post abaixo, mas vou assumir as minhas faltas e fica assim, até porque o meu computador está tão lento que nem vale a pena. Estou aqui que não me tenho perante tal erro... A minha cabeça está dividida entre a Edite Estrela, o Diogo Infante e o novo acordo ortográfico...

 

 

Uma ideia no ar... também pode ser adivinha, só para iluminados:

 

e quando nos dizem: "O seu colega está?" e depois de resumirem a coisa, viram-se para outra colega e atiram "Ah, uma colega tão novinha?! Tem uma carinha de miúda!" e nós ali!

 

Nós devemos...

 

primeiro:

pensar assim "que querem falar com o nosso colega mais velho porque acham que ainda somos novinhas demais para perderem tempo; no fundo, umas autómatas inseguras e insensatas. E isso é parvo como o raio porque somos extremamente competentes, assertivas e rápidas a resolver tudo e viramos costas a deglutir, em eco imaginário, um "velha estúpida, vai ser paternalista para a gruta de onde saíste!" 

 

ou, segundo:

pensamos "Fixe pá, devo ´tar mesmo bem?! He, he, he... cara de miúda e já quase 32!!! Será o creme hidratante extremamente caro que resulta, retardando, efectivamente, os efeitos do envelhecimento? Será que o tabaco até faz bem à pele e ainda não se descobriu?" e nem nos lembramos de nos sentir insultados, pois a sensação de euforia egocêntrica ocupa-nos o cérebro inteirinho e até soltamos, alegremente, umas endorfinas a mais?

 

Decididamente, não consigo ascender à zenitude da segunda...

 

 

sinto-me: muito nova, realmente
publicado por amulherdetrintaanos às 22:44
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De framboesa a 30 de Maio de 2008 às 16:13
Tás perdoada...é q uma pessoa poe-se a falar de sociedade praqui e prali...com tanta socio, tanta celebridade sócia, tanta cartão, mais cachecol e mais dia menos dia mais uma avalanche de bandeiras...uma pessoa baralha-se...eheheh

A mim n me dizem essa da novinha....masssssssssssssssss....tratam-me sempre por menina...atão eu um moçoila na casa dos trinta, casada ha 6 anos e q ate sabe cozinhar e tal...menina?!...ehhhhhhh...e normalmente acham q eu sou secretaria do meu colega e n lhes passam pela cabeça q não, somos dois colegas a partilhar o gabinete sem qq grau de hierarquia...mas nada...eu sou a secretaria miuda do meu colega...

bem, v de abalada para ferias (faltam 1 hora e 40 minutos) e voltos dp de dia 10

ate la fica com um gd abraço...n mt apertadop q eu n sou dada a esse tipo de euforias...eheheh
De amulherdetrintaanos a 3 de Junho de 2008 às 23:40
Olha... então BOAS FÈRIAS!!! Diverte-te, com cruzeiro ou sem cruzeiro... eu, por mim, até de tenda de campismo ia se as minhas férias já tivessem chegado... mas não, ainda falta... Abracinhos apertados para ti também!!!
De Ana a 2 de Junho de 2008 às 19:20
Perdoadíssima. E decidiria definitivamente pela orotgrafia :)
Boa semaninha ;)
Bjx.
anamania.blogs.sapo.pt
De amulherdetrintaanos a 3 de Junho de 2008 às 23:42
Olá Ana! Bom conselho. Fico-me realmente pela ortografia, mas já ela não é o que era... já não se pode confiar, sempre a mudar, sempre a mudar... Bjs
De Miss M a 3 de Junho de 2008 às 13:05
Também acho super irritante esse tipo de comentários.
Parece que, só porque temos uma aparência jovem, somos umas imbecis. Já me aconteceu várias vezes. Aliás, detesto não só essa atitude relativamente à idade/aparência = competência, como também, ou talvez mais, a maneira de nos tratarem mudar quando sabem que estudos temos.
Exemplo: o meu médico de família. Raramente vou lá, por isso, ele nunca se lembra de mim. Como deve achar que toda a gente que vai ao médico de família, e não ao médico particular, é pobre e estupida, ele trata todos de uma forma superior e irónica.
E quando vê na minha ficha que sou licenciada, muda logo de atitude e trata-me como se fossemos colegas ou amigos de sempre. Chega até a usar palavras caras e a explicar que, pelo menos comigo, pode falar como deve de ser, não tem de andar a escolher as palavras para os pacientes perceberem o que é que ele quer dizer.
Não tenho propriamente curso de medicina, mas pelos vistos, para ele, basta termos mais alguns anos de estudo para sermos inteligentíssimos e cultos. Tsss...
De amulherdetrintaanos a 3 de Junho de 2008 às 23:47
Bem, essa do médico bate aos pontos a minha desdita, mas percebo o que queres dizer. Há pessoas que são tão preconceituosas que acabam por estigmatizar ao primeiro olhar o resto do mundo. Quanto a mim isso só significa pequenez de pensamento e um grande déficit de personalidade. Quem se rege por um mundo tão a preto e branco acabam sempre por revelar-se pessoas muito pouco seguras e interessantes. De qualquer modo, e da maneira que anda este serviço nacional de saúde, é melhor ficares com esse médico, pois nunca se sabe como será o próximo. E essa ideia preconcebida de que só os pobrezinhos usam o posto de saúde é um erro. Eu, por princípio e como generosa pagadora de impostos, uso até à exaustão qualquer serviço público que ajudo a sustentar. E, aparentemente, não somos as únicas... Bjs

Comentar post

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.