A mulher de 30 anos não era nascida no 25 de Abril de 74; não ouviu radionovelas e não vibrou com o Festival da Canção. A mulher de 30 anos tropeçou em dois séculos e está aqui! Também opina, ainda não é anciã e agora é mãe

.posts recentes

. Bom dia

. Autoretrato #1

. Adeus fim de semana

. Adeus domingo #2

. Finalmente, toda uma cole...

.Instagram

Instagram

.mais sobre mim

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.

.Posts mais comentados

21 comentários
16 comentários
14 comentários

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30

.tags

. todas as tags

.favorito

. O que é a amizade depois ...

. Nasceu o meu filho

. Da epifania televisiva de...

. Hoje constatei que é dia ...

. Leva-me pró contenente!!!

. Discurso directo I e II (...

. Os dias em que todos nós ...

. voltei, voltei...

. L`air du temps

.links

.subscrever feeds

.arquivos

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.últ. comentários

Boa noite,Como a entendo.Uma coisa é fazer o "que ...
É tão giro encontrarmos desenhos antigos, retratam...
Compreendo perfeitamente! É tão difícil deixá-los ...
Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2008

Os dias em que todos nós tropeçamos na História

 Há acontecimentos cuja importância é dada no imediato; é possível antever reacções e conjunturas e relacioná-las prospectivamente e, a seguir, vem sempreeee alguém de reconhecido mérito político-analítico à televisão, rádio, jornais, revistas cor de rosa e diz: “Estamos a viver um momento histórico.” E a gente, pois, acredita. O especialista é o homem. Às vezes até precisamos de realizar um grande esforço de abstracção para perceber as consequências de um acontecimento e acompanhar os raciocínios paralelos; outras, nem por isso; as coisas estão lá e é quase tão óbvio que, sim, estamos realmente a viver a História.
 
Isto, para além de me lembrar a minha professora de História do 12º ano e a sua fixação no esquartejamento do conceito de Tempo Longo, faz-me interrogar se, enquanto andamos por cá, na nossa vidinha, não estaremos também a tropeçar na História e nem damos por isso quer porque no momento em que as coisas acontecem realmente não se pode antever a sua órbita de consequências, quer porque hoje já estamos tão ligados ao resto do mundo que a informação que recebemos é tão em excesso e todos os dias acontecem coisas neste mundo que, neste afã diário, quase ninguém tem tempo para pensar a fundo nestas coisas (para além dos analistas políticos).
 
Fiquei encalhada neste raciocínio muito senso comum desde há dois dias quando, no meu sofá, vi a emissão ser interrompida devido aos atentados ao presidente da República de Timor.
 
E nestas coisas da História, isto é tudo muito bonito, mas o que fica aqui na cabecinha do pessoal é o que estávamos nós a fazer quando X evento aconteceu (pelo menos a mim, retrospectivamente). Isso acentua-me a constatação de que somos mesmo um pontinho escuro no mapa da História. Insignificantes quase e, a ver as minhas lembranças, um pouco ridículos. Vai uma aposta...
 
Quando o avião do Sá Carneiro caiu, eu era xiripititi, vulgo mesmo chavala e que estava eu a fazer? A brincar com peças lego na sala da minha tia!
Massacre no cemitério de Dili? Pelo menos quando soube estava a comer um salame de chocolate no bar da escola secundária.
O ataque àsTorres Gémeas. E eu? A alambazar-me no restaurante num dia de trabalho!
O ataque de há dois dias? A enfardar umas torradas no sofá.
Hummm, comer e ver televisão...
tags:
publicado por amulherdetrintaanos às 22:51
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De sonjita a 13 de Fevereiro de 2008 às 10:20
Realmnte somos um pequeno ponto no mundo e quando factos que ficam para a história acontecem nós estamos sempre no nosso conforto a comer ou a confraternizar. Vendo a tua retrospectiva, há alguns que nem me lembro o que fazia no dia... outros, tal como tu, ou comia, ou dormia. Bem, mas sinseramente prefiro ser um pintinho no mundo e ter segurança do que viver uma história assim.
BJoka
De amulherdetrintaanos a 15 de Fevereiro de 2008 às 13:37
Tens razão, mas às vezes é a "história" que vai ter com as pessoas, ou seja, cai-lhes em cima sem quê, nem porquê. Mas sim, em Portugal não se passa nada para o bem e para o mal. Por isso e só por isso até é confortável cá viver. Bjs
De framboesa a 13 de Fevereiro de 2008 às 11:02
hummmm...deixaste-me a pensar...
Só me lembro das torres gemeas, pq andava a fz compras pro "inxuvaliiiii" no colombo e vi a noticia na montra de uma loja de electrodomesticos...dp foi a tarde td a ver tv no escritorio onde estava aestagiar...realmente n me lembro de mais nada...ai q a historia está a passar por mim e estou mais actualizada c os episodio do dr. house do q com os marcos historicos!
e na volta tal cm tu devia tar a enfardar qq coisa tb...
xiiiiiii
De amulherdetrintaanos a 15 de Fevereiro de 2008 às 13:40
É estranho pensar nisso nisso, não é? Quando estava a escrever este post confesso que fiz um esforço grandeee para me lembrar de acontecimentos assim marcantes e só me situei nestes que referi. outros haveria, mas tal como tu, também devia estar a fazer coisas semelhantes porque me passaram ao lado... E ainda bem... lol e super fim de semana que eu já vi que tu gostas mesmo é do fim de semana, lol :) Bjs
De João Cordeiro a 13 de Fevereiro de 2008 às 14:48
Pois querida amiga de 30, ser um pouco mais "kota"
tem muitas desvantagens e algumas vantagens... lembro-me muito bem de tudo o que falas, pois já era um xavalo.


Beijo sonhador e de um homem de 40...
De amulherdetrintaanos a 15 de Fevereiro de 2008 às 13:41
E com mais dez aninhos de história vivida ainda te deves lembrar de mais coisas... do género os concertos do Rock Rendez Vous, não? E isto é só um palpite! Volta sempre. bjs

Comentar post

.Pinterest

Visite o perfil de Ana no Pinterest.